5º ano

+100%-

ALUNOS DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA DO 5º ANO

Caro aluno,

O curso do 5º ano Médico é oferecido durante o ano todo, para as sub-divisões da turma.

No Departamento de Oftalmologia serão revistos conceitos apresentados no 4 ano, e complementados com seminários apresentados pelos estudantes, que serão estimulados a procurar informação e atualização nas fontes bibliográficas disponíveis.

Com acompanhamento dos tutores, serão examinados pacientes com problemas oculares pouco complexos, e os estudantes deverão aprender manobras e técnicas básicas.

Siga os links ao lado para acessar seu conteúdo e material.

  • Disciplina Curricular
  • Estágio Eletivo

Biblioteca e Links

Os alunos do curso de Graduação em Medicina podem consultar os livros da Biblioteca do Centro de Estudos Moacyr E. Álvaro, conforme decisão da reunião do Conselho de Departamento de 28/set/2005

Orientações aos Professores e Tutores (pós-graduandos) e Alunos

Prezados Professores, Pós-Graduandos e Alunos,

O Departamento de Oftalmologia da UNIFESP agradece sua participação na Disciplina de Oftalmologia do curso de Graduação de Medicina.

Lembramos que no dia 10 de maio inicia a turma A1 e B1 do Internato, às 8:00 horas, no anfiteatro Rubens Belfort Mattos – Rua Botucatu 821 –2o andar e SOLICITAMOS A PRESENCA DE TODOS VOCES.

Entendemos que o aproveitamento dos estudantes teve relação direta com seu empenho, e solicitamos ao encerramento do mesmo, que nos enviem o vosso julgamento de tal aproveitamento.

O grupo de 03 tutores deverá ordenar em ordem decrescente (do melhor para o pior), os alunos abaixo discriminados. Por favor, enviem somente uma lista para todos os tutores.

Os docentes também devem enviar somente uma lista para os dois docentes, ordenando os estudantes em ordem decrescente (do melhor para o pior).

Esperamos receber as listas em ate uma semana, contando que quanto mais tempo decorrer do final do curso que o Dr (a) ministrou e participou, mais difícil é a tarefa de avaliar os estudantes.

A partir de tal classificação iremos ajustar as notas obtidas nas avaliações, e calcular a nota final.

OBSERVAÇÕES:
A PROVA FINAL é de responsabilidade dos Docentes, mas temos um modelo que reflete essa atividade do vídeo.

Os Docentes deverão dar uma aula introdutória de Anatomia e Fisiologia no primeiro dia após a divisão dos seminários. Mantivemos o Wet Lab deles dissecando olho de porco (ideal se for no primeiro dia de aula, depois da revisão de anatomia e fisiologia).

Mantivemos os seminários (decididos por sorteio no dia) das 08:00 as 09:00hs (atividade Docente).

Sugerimos um modo de discutir caso clinico que está demonstrado nos vídeos abaixo, para ser feito das 09:00 as 10:00hs (atividade Docente).

1ª Parte

2ª Parte

3ª Parte

4ª Parte

Todos os Pós-Graduandos precisam estar em todas as atividades práticas (às 10:00hs) sem rodízio; A aula prática do 5º ano (início às 10:00hs – segundas e sextas), os alunos serão subdivididos em 3 turmas (cada uma sob a responsabilidade de um PG).

Mudamos o exame prático de pacientes para o HSP, com pacientes de inter consultas, das 10:00 às 12:00hs (atividade dos PG). Esta atividade prática será desenvolvida no Hospital São Paulo, com a avaliação de pacientes com pedido de Inter consulta solicitado pelas diferentes especialidades médicas do Hospital.

As solicitações deverão ser retiradas por vocês, no pronto socorro de Oftalmologia no dia da AULA.

Cada sub turma deve então se deslocar para a enfermaria onde o paciente esta internado. Os alunos deverão fazer anamnese direcionada às queixas oftalmológicas, fazendo uma anotação única para o subgrupo.

Como os pacientes estão acamados em sua maioria, solicitamos que retirem na Secretaria do Departamento de Oftalmologia, 01 ESTOJO contendo colírios e oftalmoscópio direto por sub grupo para ser utilizado durante a avaliação.

Os pós graduandos devem supervisionar a anamnese e conduzir a avaliação e fazer a anotação no prontuário médico do paciente. Temos lista de presença de PG assim como os alunos.

Lembramos que:

  • – os oftalmoscópios devem ser devolvidos na secretaria do departamento após cada manhã;
  • – os alunos e pós-graduandos devem usar avental e crachá durante as avaliações no Hospital;

Atenciosamente,

sem_foto

Prof. Dr. Paulo Schor
Preceptor do Internato

sem_foto

Profa. Dra. Denise de Freitas.
Chefe do Departamento de Oftalmologia

Material Extra

Bibliografia

Schor, P; Chamon, W e Belfort Jr. R. Guias de Medicina Hospitalar e Ambulatorial, OFTALMOLOGIA, Editora Manole, São Paulo, 2004, ISBN 1492-3, 567pp


Coleção do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (livros abaixo assinalados, disponíveis na Biblioteca do CEO)

  • Livro 1 – Banco de Olhos, Transplante de Córnea
  • Livro 2 – Cristalino e Catarata
  • Livro 3 – Cirurgia Refrativa
  • Livro 4 – Doenças Externas Oculares e Córnea
  • Livro 5 – Estrabismo
  • Livro 6 – Lentes de Contato
  • Livro 7 – Bases da Oftalmologia – Volume 1
  • Livro 8 – Bases da Oftalmologia – Volume 2
  • Livro 9 – Neuroftalmologia
  • Livro 10 – Óptica, Refração e Visão Subnoraml
  • Livro 11 – Órbita, Sistema Lacrimal e Oculoplástica
  • Livro 12 – Retina e Vítreo
  • Livro 13 – Semiologia Básica em Oftalmologia
  • Livro 14 – Uveítes e Oncologia Ocular
  • Livro 15 – Glaucoma
  • Livro 16 – Iatrogenias e Manifestações Oculares das Doenças Sistêmicas
  • Livro 17 – Prova Nacional de Oftalmologia e Cirurgias Comentadas

CASOS DE OFTALMOLOGIA

Associados a Doenças Sistêmicas para médicos em geral. Inúmeras doenças ou tratamentos sistêmicos podem atingir a visão ou olho. | acessar o site |

Link Extra

  • Aula de Anatomia – Dra. Denise de Freitas
  • Aula de Fisiologia da Visão – Dr. Wallace Chamon
  • Sinais e sintomas para cada uma das afecções